Notícias

Artigo do CIn é destaque no XXIX Simpósio Brasileiro de Informática na Educação (SBIE)

Trabalho recebeu o primeiro lugar da trilha sobre aspectos sociais, afetivos e motivacionais em ambientes computacionais para promoção da aprendizagem

05 de Novembro de 2018 às 16:41:10

Escrito pela doutoranda do Centro de Informática (CIn) da UFPE Fernanda Castro, sob a orientação da professora Patrícia Tedesco, o artigo “Utilização de portfólios na criação de relatos e reflexao sobre o erro em programação para alunos do ensino superior”, foi destaque no XXIX Simpósio Brasileiro de Informática na Educação (SBIE), que aconteceu entre os dias 29 de outubro e 01 de novembro em Fortaleza. O trabalho é resultado da dissertação de mestrado de Fernanda e recebeu o 1º lugar da trilha 3 do Simpósio, focada na “interação humano-computador, inclusão e acessibilidade, metacognição, neurociência e aspectos sociais, afetivos e motivacionais em ambientes computacionais para promoção da aprendizagem”.

 

Com o objetivo de investigar como o uso de relatos sistemáticos pode ajudar alunos do Ensino Superior na reflexão sobre erros cometidos em atividades de programação, o trabalho traz à tona a discussão sobre o papel do erro no aprendizado dos alunos. “Enquanto sociedade, temos uma cultura que enxerga o erro por um viés negativo, como algo que denota falta de esforço ou habilidade”, o que, segundo Fernanda, “acaba desmotivando os alunos e os faz desperdiçar o potencial educador do erro, onde os equívocos são parte natural do aprendizado”. Através do uso de portfólios eletrônicos, a pesquisa investigou como os alunos enxergam estes erros e como se sentem em relação a eles antes e após o uso de relatos sistemáticos, analisando também “como o erro é tratado em sala de aula e como as ferramentas de mediação do erro costumam ser aplicadas” neste ambiente. 

 

Para a pesquisadora, a principal contribuição do trabalho é “trazer indícios, baseados em nossos experimentos, de que o modo como os alunos se relacionam com o erro pode ser transformado pelo uso de relatos sistemáticos”. Em relação ao reconhecimento recebido no SBIE 2018, Fernanda destacou que “ter um trabalho considerado relevante pela comunidade da área é muito gratificante” para a sua realização enquanto pesquisadora. “Para o CIn, esperamos estar contribuindo para a construção de um centro que não só possui excelente estrutura e conteúdo, mas que também valoriza a didática, que se preocupa com as melhores formas de ensinar aos seus alunos”, defende.